Toda cerveja é afetada pela qualidade dos ingredientes que a compõem.

E se considerarmos que a bebida é composta quase que totalmente por água em média são 90%, fica evidente a contribuição dessa substância para o resultado final.

Pode apostar que a análise de sua procedência é fundamental para influenciar a qualidade de sua cerveja.

Além de ser um dos poucos ingredientes necessários para qualquer tipo de cerveja que você vai encontrar no mundo, a água também contribui para a própria fabricação da bebida. Trata-se de um componente essencial para a limpeza e, em vários processos de produção

Quer saber mais a respeito desse assunto? Então, continue a leitura!

A água, os minerais e a cerveja

Você sabia que a água é classificada de acordo com a quantidade de minerais que possui?

Essa classificação funciona da seguinte forma:

  • 0 – 50 ppm: água “mole”
  • 51 – 110 ppm: agua “média”
  • 111 – 200 ppm: água “dura”
  • 201 ppm em diante: água “super dura”

Essa é uma das razões para a existência de diversos tipos de fabricação de cerveja, já que os minerais tendem a comprometer o sabor da bebida.

Na medida em que os açúcares são produzidos, o efeito da química da água sobre o sabor da cerveja é reduzido.

Mas é sempre bom prestar atenção nos seguintes elementos:

Cálcio

É considerado o principal mineral e determina a “dureza” da água.

Ajuda a promover o sabor e a clareza da cerveja.

Também é importante por conta de suas atividades enzimáticas sobre outros componentes e de seu efeito acidificante.

Magnésio

Também contribui de forma significativa para a “dureza” da água.

Em pouca quantidade, o magnésio serve como nutriente para as leveduras.

Em grande quantidade, dá um sabor amargo à cerveja.

Bicarbonato

Entre a família dos carbonatos, é o que domina a composição química da maioria das fontes usadas para a fabricação de cerveja.

É a principal forma de carbonato na água com pH inferior a 8,4.

Cloreto

Ajuda a acentuar a doçura do malte.

Sua concentração não deve passar dos 250 ppm, pois pode impactar nas atividades das leveduras ou dar um sabor salgado para a cerveja.

Sulfato

Junto com cálcio e magnésio, contribui para deixar a água mais “dura”. Sua grande qualidade é acentuar o amargor do lúpulo, fazendo com que ele pareça mais seco. Porém, pode deixar a cerveja com sabor adstringente.

Sódio

Também ajuda a acentuar a doçura do malte.

No entanto, se a sua concentração ultrapassar os 150 ppm, pode conferir um sabor salgado para a cerveja após o fim do processo de fabricação.

O impacto da química da água na cerveja

  • Alcalinidade e pH altos dão origem a sabores adstringentes;
  • Alcalinidade alta e pH baixo resultam em cervejas encorpadas, como as do tipo ale;
  • A água extremamente rica em minerais é boa para a fabricação de cervejas amargas, como as do tipo stout;
  • A água sem tantos minerais é boa para a produção de cervejas claras, como algumas variantes do tipo lager.

 Água pura gera boa cerveja

Com as tecnologias disponíveis atualmente, é possível ajustar os principais parâmetros da água cervejeira, sendo possível desta forma produzir diversos tipos de cerveja em qualquer lugar do mundo.

A água na cerveja ao redor do mundo

Se você ainda duvida da influência da água na cerveja, descubra como a composição do líquido impacta nas cervejas mais tradicionais ao redor do mundo:

Pilsen (República Tcheca): água branda, com baixas quantidades de cálcio, carbonato, cloreto, magnésio, sódio e sulfato, o que ajudou a popularizar a Pilsner;

Viena (Áustria): água com baixos níveis de sódio e cloreto , promovendo a produção de cervejas âmbar;

Munique (Alemanha): baixas quantidades de sódio, sulfatos e cloreto, variável média de cálcio e magnésio e alta proporção de carbonatos fazem dessa água uma boa opção para acentuar o sabor maltado — como ocorre na cerveja Munich Dunkel;

Dortmund (Alemanha): alto teor em todos os aspectos minerais, praticamente, a composição da água ajudou a popularizar a Lager de Dortmund;

Londres (Reino Unido): água com variante média e alta de carbonato, sódio e sulfato, tornando a cerveja Porter bastante popular na região;

Dublin (Irlanda): água com alto teor de carbonato e, não surpreendentemente, responsável por fazer a capital irlandesa um verdadeiro ponto de encontro de grandes cervejas escuras.

E então, deu para convencer o impacto da água na fabricação de cervejas e a sua influência.

Nós da Filtros Marwilt ajustamos a composição da sua água de acordo com a análise efetuado, estabelecendo os minerais de acordo com o desejo da sua produção.

Entre em contato conosco, para maiores informações. Acesse aqui 

Fontes de informações: Cerveja e Malte e Wieninger

 


0 thoughts on “Importância da água na cerveja”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *